portuguesingles

Informações técnicas

Kombi 1959


Kombi 1959

Autores: Eduardo Gedrait, Elias Lopes (Elisedan), Jean Strifezzi e Johnny Higashi
Colaboração: Alberti (Clube da Kombi de Curitiba), Eduardo Accarini, Paulo Kakinoff e Tiago Songa (Grupo Whatsapp T2 até 62)

Criação: Junho de 2014
Atualização: Dezembro de 2017

Produção: 8.383 unidades (chassi 5192 ao 13.575)


Cores originais:
Branco - L280 - Ambulância e Polícia (parte superior dos carros policiais com Preto (L41) na parte inferior
Cinza claro - L1020
Cinza escuro - L1021
Verde areia - L311

Tipos de Kombi:
2/23 - Não havia diferenciação na plaqueta, para Kombi STD ou Luxo

Manual da Kombi 1960 (idêntico à kombi 1959)
Clique para ser direcionado ao manual.


O que mudou na Kombi 1959?
Necessário que você leia o material de 1957 e 1958, antes de continuar.

1) A partir do chassi 9.100, a numeração do chassi foi para o cofre do motor, perto da bateria

2) Na mesma numeração de chassi, a manivela de partida deixou de ser fornecida.

Observe que a saia traseira não tinha mais o buraco da manivela


3) A partir de junho de 1959, o câmbio passou a ser sincronizado (exceto a 1ª marcha)
4) O motor 1200 passou a ser nacional, a partir de agosto de 1959.
5) O velocímetro tinha a numeração em cima do ponteiro.





             




 

Sampa Kombi Clube

Somos um grupo de apaixonados pelo mais simpático "pão de forma" sobre rodas que já existiu na indústria automobilística, a nossa querida Kombi.

Temos a intenção de reunir o maior número possível de proprietários de Kombis para trocar idéias, promover encontros, ajudar na restauração, contar histórias, buscar peças, indicar profissionais, enfim, tudo relacionado à Kombi.

Parceiros