portuguesingles

Informações técnicas

Kombi 1961


Kombi 1961

Autores: Christopher Wellington, Eduardo Gedrait, Elias Lopes (Elisedan), Hélio Silveira Junior, Jean Carlo Strifezzi e Johnny Higashi
Revisado por Élder Buzzo e Remi Rodrigues

Atualizado por Thiago Songa e Milton Morales.

Criação: Fevereiro de 2015
Atualização: Abril de 2020

Agradecimentos: Anfavea e Thiago de Araujo

Produção em 1961: 16.315 unidades (do chassi 24.876 ao chassi 41.191)



Cores originais:

Bege - L1061
Bege Lugano - L1071
Branco - L280 - ambulância e polícia (parte superior) com preto (L41) na parte inferior
Cinza Claro - L1020
Cinza Escuro - L1021
Cinza Nevada - L1022
Marrom Caqui - L1070
Verde Areia - L311

Tipos de Kombis:

2/23 - Não havia diferenciação na plaqueta para kombi STD ou Luxo

Características kombi 1961:

(Clique na imagem para visualizar em tamanho grande)

O que mudou na Kombi em 1961?
Necessário que você leia o material de 1960.

Em 1961, tivemos a 2ª série da kombi a partir do chassi 27.501, com diversas alterações:

1) A alavanca do câmbio e do freio de mão ficaram mais distantes do banco. 
Mudou assoalho e tapete.
Veja abaixo.



2) O câmbio "casca de amendoim" com a 1ª marcha sem sincronização, deixa de ser fornecido passando agora o novo câmbio totalmente sincronizado.

Câmbio "casca de amendoim"

3) A tampa do bagageiro adquiriu uma "meia lua" acima da maçaneta.


4) A partir do chassi 29.601, a kombi ganhou marcador de combustível no painel e perdeu a torneirinha de reserva do tanque (clique para ver o material técnico correspondente).
5) A partir do chassi 30.100 (aproximadamente) as lanternas traseiras ficaram maiores, com parafusos externos aparentes e foi eliminada a luz central de freio.



6) Junto da lanterna maior, a kombi ganhou piscas dianteiros do tipo "tetinha" e foram eliminadas as bananinhas.


7) A chave de seta mudou, de um modelo simples preso com cinta, para um modelo com retrocesso automático. A partir do chassi 36339, foi necessária a peça nº 45 conforme abaixo, chamada Luva acionadora do retrocesso automático do interruptor dos indicadores de direção.



Estas e outras informações, você encontra no Catálogo de Peças da Kombi 1200 abaixo.


Esquema elétrico de uma kombi 1961 na Alemanha (Fonte: www.thesamba.com):


Legenda para o esquema elétrico – Kombis de 1961 até 1964 (*)

Partindo da frente do carro ou parte superior da imagem

1) U 1 – Lâmpada de 25W – Pisca dianteiro esquerdo
2) U 2 – Lâmpada de 25W – Pisca dianteiro direito
3) M1 – Lâmpada de 5W – Luz de posição dianteira esquerda
4) M2 – Lâmpada de 5W – Luz de posição dianteira direita
5) L3 – Farol dianteiro esquerdo, tipo Sealed Beam, com fachos alto e baixo (**)
6) L4 – Farol dianteiro direito, tipo Sealed Beam, com fachos alto e baixo (**)
7) H2 – Buzina
8) J2 – Interruptor da luz de freio no pedal
9) W – Motor do limpador de para-brisa
10) J2 – Relê do pisca/sinalizador de direção
11) J1 – Interruptor de acionamento do comutador de farol alto/baixo
12) S – Caixa de fusíveis (cabe verificação das amperagens de cada um)
13) E – Interruptor do limpador de para brisa
14) J5 – Interruptor dianteiro das luzes do salão – Atua somente na luz do fundo do salão
15) Série K – Lâmpadas dentro do velocímetro
a.  K1 – Lâmpada de 1,2W azul – Indicadora da luz alta
b.  K2 – Lâmpada de 1,2W vermelha – Indicadora da carga do dínamo
c.  K3 – Lâmpada de 1,2W vermelha – Indicadora do funcionamento dos piscas/luzes de direção
d.  K4 – Lâmpada de 1,2W Verde – Indicadora da pressão do óleo
e.  K5 – Lâmpada de 1,2W branca – 2 unidades – Iluminação de fundo do velocímetro
16) D – Comutador de partida – Ignição
17) F – Interruptor das luzes de posição, farol e reostato da iluminação do velocímetro
18) H1 – Botão de buzina
19) G2 – Chave de seta com lampejador de faróis altos
20) Y1 – Iluminação do salão dianteira – Cabine do motorista
21) Y2 – Iluminação do salão traseira – Cabine dos passageiros
22) O - Bobina
23) Q2 – Vela de ignição do segundo cilindro
24) Q3 – Vela de ignição do terceiro cilindro
25) Q4 – Vela de ignição do quarto cilindro
26) Q1 – Vela de ignição do primeiro cilindro
27) P2 – Cabo de vela do segundo cilindro
28) P3 – Cabo de vela do terceiro cilindro
29) P4 – Cabo de vela do quarto cilindro
30) P1 – Cabo de vela do primeiro cilindro
31) N – Distribuidor
32) J4 – Sensor da pressão do óleo
33) C – Dínamo com regulador de voltagem
34) B – Motor de partida
35) A – Bateria
36) X1 – Lâmpada de dois polos 5W/25W para luz de posição/freio/pisca do lado esquerdo
37) Z – Lâmpada de 5W para iluminação de placa de licença
38) X2 – Lâmpada de dois polos 5W/25W para luz de posição/freio/pisca do lado direito
 
Observações
a) (*) Neste esquema não temos o marcador de combustível. Assim não aparecem a boia do tanque nem o marcador no painel e nem a iluminação do marcador
b) (**) Esquema para montagem com faróis tipo Sealed Beam. Para utilização de faróis de lâmpada, respeitar as ligações indicadas com o soquete das lâmpadas.
c) Os números indicados nos fios dizem respeito à sua secção (diâmetro). As cores de cada fio/cabo devem ser respeitadas para facilitar a identificação e posterior manutenção do sistema elétrico.

Folder da VW 1961:




           








 

Sampa Kombi Clube

Somos um grupo de apaixonados pelo mais simpático "pão de forma" sobre rodas que já existiu na indústria automobilística, a nossa querida Kombi.

Temos a intenção de reunir o maior número possível de proprietários de Kombis para trocar idéias, promover encontros, ajudar na restauração, contar histórias, buscar peças, indicar profissionais, enfim, tudo relacionado à Kombi.

Parceiros