portuguesingles

Informações técnicas

Kombi 1966


Autores: Eduardo Gedrait, Elias Souza (Elisedan) e Jean Carlo Strifezzi
Colaboração: Elder Buzzo e André Costa

Criação: Março/2015
Atualização: Janeiro/2020

Agradecimentos: Anfavea

Produção de 1966: 15.098 unidades (do chassi B6 95679 até o chassi B6 110817)


Cores originais:

Azul Atlântico - L360
Azul pastel - L391
Cinza prata - L23
Verde amazonas - L518
Vermelho granada - L1591

Tipos de kombi na plaqueta:

204 - Luxo
211 - Furgão
231 - STD
261 - Pick-up
265 - Pick-up cabine dupla

O que mudou em 1966?
Necessário que você leia o material de 1965.

04/66 - estepe preso por suporte
05/66 - cebolinha do óleo com bornes (terminal) de encaixe
06/66 - cebolinha do freio com bornes (terminal) de encaixe
08/66 - coifas de proteção contra poeira nos cabos de vela

Chave de seta de metal com ponta de plástico foi ate 1966, com três fios para 6 v. (da esquerda, circulado de vermelho)


Acreditamos que entre 1965 e 1966, o painel da kombi mudou:

Antes: Quadrado

Depois (arredondado):


A fechadura da tampa do motor, até 1966, usa a chave "P" para abertura.
Ela tem um acabamento redondo cromado, igual ao da gasolina:





          

 

Sampa Kombi Clube

Somos um grupo de apaixonados pelo mais simpático "pão de forma" sobre rodas que já existiu na indústria automobilística, a nossa querida Kombi.

Temos a intenção de reunir o maior número possível de proprietários de Kombis para trocar idéias, promover encontros, ajudar na restauração, contar histórias, buscar peças, indicar profissionais, enfim, tudo relacionado à Kombi.

Parceiros